14/02/2017

8 Livros que marcaram a minha adolescência

(Portuguese only)

1) As Brumas de Avalon (Avalon #1) de Marion Zimmer Bradley
Esta autora (apesar de toda a controvérsia à volta dela) é uma das minhas autoras preferidas. As Brumas de Avalon foi o primeiro livro que li dela. Esta história conta uma versão da lenda do Rei Artur e os Cavaleiros da Távola Redonda pela perspectiva de Morgana. É um livro recheado de personagens femininas fortes e senhoras de si próprias!

2) Presságio de Fogo de Marion Zimmer Bradley
Este livro conta uma versão da conquista de Tróia pelos olhos de Cassandra. Sempre gostei de mitologia greco-romana, e das histórias destes povos. Marion Zimmer Bradley conta-nos esta história de uma maneira única e que quase nos faz acreditar que foi assim que aconteceu.

3) O Retrato de Dorian Gray de Oscar Wilde
Talvez tenha lido este livro cedo demais. Foi um livro que me introduziu à filosofia da arte e ao que é (ou não) o belo. É livro que gostava de reler, com tempo e com calma para voltar apreciar a escrita de Oscar Wilde. Neste livro o autor explora a premissa e se um quadro pude-se envelhecer em vez de nós próprios? Além disso o autor faz-nos reflectir sobre como nossas as acções se reflectem na nossa aparência e envelhecimento.

4) Poeta, às vezes de Maria Teresa Maia Gonzalez
Este livro é dos mais bonitos que li até hoje. É um livro que fala sobre amizade, sobre auto-conhecimento e sobre ser diferente. Não me quero alongar muito na descrição deste livro. Se alguma vez o tiverem nas mãos, dêem-lhe uma oportunidade.

5) O Senhor dos Anéis de J. R. R. Tolkien
(A Irmandade do Anel, Duas Torres e Regresso do Rei)
Já escrevi sobre este livro(s) várias vezes. Adoro o mundo fantástico que o Tolkien criou! (Quando for grande também quero inventar mundos fantásticos!)

6) Lua de Sangue de Nora Roberts
Um dos primeiros romances que li da autora. É uma mistura de romance e de suspense. O livro conta-nos a história de Tory. Tory não teve uma vida fácil, mas conseguiu vingar. Depois de muitos anos regressa à cidade onde nasceu e foi criada. Regressa para enfrentar os fantasmas do passado e para voltar a criar raízes. Um dos fantasmas do passado foi o seu pai, que era um brutamontes que gostava de abusar e bater na mãe de Tory e em Tory. Outro fantasma, foi a morte da sua melhor amiga de infância, que foi brutalmente assassinada e violada quando ambas as personagens ainda eram jovens. Com o regresso de Tory o passado parece querer regressar. E com ele o assassino!

7) Maléfico de Nora Roberts
Agora que penso bem, esta história é semelhante à Lua de Sangue. Claire é a personagem principal, é uma escultora que após muitos anos regressa a Emmitsboro, cidade onde viveu até o seu pai se suicidar. Das suas mãos nascem esculturas que parecem saídas de pesadelos e estão todas ligadas a segredos do passado. Segredos que Claire descobriu sobre o pai quando ainda era miúda e que voltou a esquecer até agora. O pai de Claire estava ligado a um culto estranho e com o regresso de Claire tudo vai mudar!

8) A Filha da Floresta (Sevenwater #1) de Juliet Marillier
Juliet Marillier é uma das minhas autoras preferidas e este foi o livro que me fez apaixonar pela escrita da autora. Este livro é inspirado por tanta coisa que adoro: mitos celtas, Irlanda e contos tradicionais. Junta-se a isso personagens fortes e cheias de carácter. 
Filha da Floresta conta-nos a história de Sorcha. Sorcha é a sétima filha do sétimo filho, algo que lhe dá uma posição especial, mas era comum acreditar-se que o sétimo filho do sétimo filho tinha poderes mágicos. Logo no início do livro os seus seis irmãos são transformados em cisnes pela sua madrasta. Sorcha só têm uma opção, para conseguir transformar os seus irmãos de volta, têm de tecer seis camisolas especiais. Essas camisolas têm de ser feitas de urtigas, e inteiramente feitas por ela, desde a apanha da urtiga à tecelagem da camisola. Mas, para a tarefa ser ainda mais árdua, Sorcha não pode falar - nem um ai sequer. Pois se o fizer os seus irmãos nunca mais voltarão a ser humanos.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Deixe aqui o seu comentário // Leave us a comment