04/04/2017

Leituras de Março

Em Março li 9 livros e três contos.
Todos em formato físico, excepto um audiobook.
Li um total de 3351 páginas

1 escritores do sexo masculino
9 escritora do sexo feminino

5 autores Americanos
2 autoras Suecas
2 autoras Inglesa

8 livros em inglês
2 livros em português

Géneros
2 livros de Não Ficção
1 livro de Ficção
1 Romance
2 Clássicos
1 livro de Crime
1 Conto/Clássico

1 re-leitura

1 livro publicado em 1847
1 conto publicado em 1904
1 livro publicado nos anos 20
1 livro publicado nos anos 70
1 livro publicado nos anos 80
1 livro publicado em 2000
2 livros publicados em 2004
2 livros publicados em 2016

Livros
- The Suffragettes (Penguin Little Black Classics)
- Kiss Me, Kill Me de Ann Rule
- The Preacher de Camilla Lackberg
- The Miserable Mill de Lemony Snicket (A Series of Unfortunate Events #3)
- A Room of One's Own de Virginia Woolf
- The Obsession de Nora Roberts
- Casas Assombradas de Lynne Tillman
- Jane Eyre de Charlotte Brontë

Contos
- O Tesouro de Selma Lagerlöf
- The Geranium (in Complete Stories de Flannery O'Connor)
- The Barber (in Complete Stories de Flannery O'Connor)

Livros que ficaram por acabar
- The Well of Ascension de Brandon Sanderson (Mistborn #2)
- The Goldfinch de Donna Tartt (leitura conjunta com a Mariana)

Projectos literários em que participei
#marçofeminino da Sandra do blog Say Hello to my books
#historiquices d' A Miúda Geek (blog com o mesmo nome).


29/03/2017

Bites & Bits 12/51

Ninguém gosta de falhar.
Tenho vindo a aprender que tenho que relaxar mais e deixar os imprevistos da vida acontecer. Não vê-los como uma afronta pessoal, e dar à volta e continuar o plano A, senão passar para o B, o C... as letras que forem precisas. A verdade é que nunca me senti preparada para falhar, é algo que me deixa triste e, sendo uma pessoa com tendências de 8 ou 80, por vezes deixa-me a pensar que não fui feita para isto, que devia desistir... Talvez o problema nem seja o falhar, mas ter que dizer aos outros que falhei, ter que pedir desculpa por não ter conseguido fazer aquilo que tinha dito que iria fazer, no tempo que achava que o conseguiria fazer. Porque quando digo as justificações em voz alta, elas parecem-me parvas, por vezes até desculpas esfarrapadas... mas não são. E no momento em que tenho que lidar com elas parecem gigantes... quando por vezes não passam de moinhos de vento de mau agoiro.

12/03/2017

Bites & Bits 10/51

Março começou e com ele trouxe algum silêncio.
Muitas vezes quando não programo ou não consigo tirar umas horas no fim-de-semana para escrever acabo por não conseguir publicar no blog. Mas por vezes também é importante desligar-me e concentrar-me noutras coisas.
Foi o que fiz nas últimas duas semanas.
Sinto que neste momento preciso de pensar em muita coisa, e mais importante que pensar é começar a traçar o caminho do futuro que quero seguir.
Até breve!

March started and with it came silence.
When I don't schedule or when I'm not able to take a few hours of my weekend to write I ended up not being able to publish on the blog. But on the other hand, sometimes is good to shut down and focus on other things.
That's what I've done for the past weeks.
I'm in a phase where I need to think about a lot of things, but more important to pave the path of the future I want to follow.
See you soon!

07/03/2017

Bites & Bits 08/52

Decidi deixar de desenhar favoritos do mês e passar a desenhar coisas relevantes que aconteceram durante o meu mês. Assim foi o meu mês de Fevereiro...

I decided to drop the monthly favourites illustration and instead draw relevant things that happened during that month. This was February...

1) Sonhar acordada | Daydreaming
2) Ideias Idiotas | Brainstorming
3) Pipocas | Pop Corn
4) Aguarelas | Watercolour
5) Estante | Bookshelf
6) Carnaval | Carnival
7) Ecolines Laranja | Orange Ecolines (liquid watercolour)
8) Livros & Leituras | Books



28/02/2017

Leituras de Fevereiro


Em Fevereiro li 10 livros e duas novelas.
Todos em formato físico, excepto um que li alternadamente entre o formato físico e versão áudio.
Total de 4259 páginas

9 escritores do sexo masculino
1 escritora do sexo feminino

6 autores Americanos
3 autores Ingleses
1 autora da Nova Zelândia

8 livros em inglês
3 livros em português

Géneros
3 livros de Fantasia
2 livros de Banda Desenhada
2 livros Infantis ou Infanto-Juvenis
1 livro Policial (Crime)
1 novela de Horror
1 novela/livro Clássico
1 livro de Ficção Histórica

3 re-leituras

1 novela publicada nos anos 30
1 livro publicado nos anos 50
1 livro publicado nos anos 70
1 novela publicada nos anos 80
2 livro publicados nos anos 90
3 livros publicados entre 2000 e 2009
1 livro publicado em 2011
1 livro publicado em 2017

Livros
The Lorax de Dr Seuss
9th Judgment de James Patterson
Harrow County vol. 4 Family Tree de Cullen Bunn e Tyler Crook
Sandman, Vol. 3: Terra do Sonho de Neil Gaiman
The Wide Window (A Series of Unfortunate Events #3) de Lemony Snicket
O Filho de Thor (A Saga das Ilhas Brilhantes #1) de Juliet Marillier
A Máscara da Raposa (A Saga das Ilhas Brilhantes #2) de Juliet Marillier
Of Mice and Men de John Steinbeck
The Lord of the Rings de J. R. R. Tolkien
Fatherland de Robert Harris

Novelas
Four Past Midnight: The Sun Dog de Stephen King
Of Mice and Men de John Steinbeck



(my reading and book related publications are only written in portuguese, since they are a complement to my YouTube channel).

24/02/2017

Sketchbook Pages 6, 7 & 8

Esta semana decidi partilhar algumas páginas do meu Diário Gráfico.
Como mencionei na quarta-feira, andei a explorar um pouco de caligrafia nas minhas ilustrações.
Tenho descoberto que é possível fazer letras parecidas com a minha escrita e que até podem resultar para outras ideias. É uma questão de explorar de experimentar os materiais certos (e é para isso que serve um Diário Gráfico).

This week I decided to share a few extra pages of my Sketchbook.
As I mentioned on Wednesday, I've exploring a little bit of calligraphy in my illustrations. I found out that if I draw letters similar with my own writing things works better. Now I need to try it with different materials (to find out which ones are the best for me).
De vez em quando gosto de revisitar desenhos antigos e dar-lhes outro uso. Este foi um deles.
Ainda não sei se vou criar algo mais com ele, por agora gosto dele como está.

Once in awhile I like to revisit old drawings and give them another use. This one was one of them.
Still not sure what I will create with it, but for now I'm happy with it.
Não vou em entrar em grandes detalhes com estas páginas. No início do mês tive uma ideia que ainda não consegui pôr em prática (mas que está ligada a estes desenhos). No entanto queria partilhar estas páginas, por isso aqui ficam.
(como podem reparar estou a gostar bastante de usar lápis de cor para desenhar!)

I won't go into details with these last two pages. I had a really good idea in the beginning of the month (and it's related with these drawings), but until I do the finished thing, this all you will get ;)
Oh and you can notice how much I love my Prismacolor Col-erase pencils to sketch.

22/02/2017

It's a kind of Magic | Sketchbook Pages 5/51

Magic ou Magia foi a palavra de Fevereiro do desafio palavras quase perfeitas criado pela Cris do blog a vida não tem de ser perfeita.

Inicialmente tinha pensado criar uma ilustração à volta da palavra Magia ou Magic. Comecei a desenhar várias letras, para tentar perceber o que realmente queria escrever ou ilustrar.
Magic faz-me sempre lembrar a música dos Queen "A Kind of Magic".
Estava tão focada nas letras e palavras que comecei a escrever mais e mais até ter enchido a folha.
Esta simples folha no meu Diário Gráfico inspirou-me a explorar mais a caligrafia e texto nos meus trabalhos. A última coisa que escrevi foi "Words are a kind of Magic".
Normalmente para este tipo de desafios iria querer ter uma ilustração, em vez de uma folha de rascunho de ideias. Mas a magia também está no processo de criação e por isso decidi mostrar-vos um pouco do meu processo criativo. 
Magic was the February word for Cris' challenge almost perfect words.

I initially wanted to make a illustration around the word Magic. I started to draw a lot of letters to try to understand how I wanted to draw or illustrate them.
Also Magic always remind the Queen's song "A Kind of Magic".
I was so focused in drawing letters and words that I wrote and wrote until I had the whole paper sheet full.
This sheet in my sketchbook inspired me to explore more calligraphy and text in my illustration work. The last thing I wrote was "Words are a kind of Magic".
Usually for this kind of challenge I want to have a finished piece instead of bunch of ideias scribble in a piece of paper. But the magic happens during the creative process, so I decided to show case it a little bit.